<< Voltar à lista de posts | Arquivo AQ

Reações do Permanganato: Água Oxigenada [Vídeo]

Publicado originalmente em 01/07/2012

O permanganato de potássio é um sal inorgânico que, quando dissolvido em água, forma uma solução de intensa coloração violeta. É um forte agente oxidante e participa de diversas reações interessantes, envolvendo belas alterações em sua coloração, conforme se transforma em íons ou outros compostos derivados do manganês. Pode ser adquirido facilmente em farmácias, já tendo sido largamente usado no tratamento de catapora.  Por suas reações e facilidade de ser encontrado, o Aspirações Químicas irá postar uma pequena série com alguns vídeos e explicações sobre experimentos envolvendo o permanganato. E aqui está o primeiro.




Talvez o mais conhecido dos experimentos envolvendo o permanganato de potássio seja aquele realizado com água oxigenada e vinagre – por conta do belo efeito visual – a transformação de uma solução de cor violeta-escura em uma solução incolor; ou ainda pela acessibilidade dos regentes. Aqui, procuramos demonstrar e explicar primeiramente a reação entre apenas permanganato de potássio e água oxigenada e posteriormente, a reação ocorrida na presença do vinagre, evidenciando a função deste último por meio da comparação entre as reações ocorridas e os produtos formados.




Ao ser dissolvido em água, o permanganato de potássio dissocia-se formando os íons potássio (K+) e manganato (MnO4- ). O manganato reage com a água oxigenada formando diferentes produtos, dependendo da concentração de íons H+ na solução.



A primeira reação apresentada no vídeo (entre apenas permanganato e água oxigenada) ocorre em meio básico, podendo ser expressada pela equação:


2 MnO4-(aq) + 3 H2O2(aq 2 MnO2(s) + 3 O2(g) + 2 OH-(aq) + 2 H2O(l)

Observa-se a formação de dióxido de manganês (MnO2), gás oxigênio (O2), água (H2O) e íons OH-. O dióxido de manganês (que aparece como sólido na equação) é insolúvel em água, depositando-se aos poucos no fundo do recipiente. No vídeo, após certo tempo em que a solução é deixada em repouso, a formação do precipitado é bem visível, procedendo-se então para a separação da mistura por meio de filtração. Ao final, vemos o dióxido de manganês isolado - se este for deixado novamente em repouso, a água restante irá evaporar e apenas os óxido sólido deverá permanecer.

Na segunda reação, entretanto, o sistema apresenta caráter ácido - o que deve-se à ionização do ácido acético do vinagre, nos íons acetato (CH3COO-) e hidrogênio (H+). Nestas condições, a reação ocorrida entre o permanganato e a água oxigenada é:

2 MnO4-(aq) + 5 H2O2(aq) + 6 H+(aq)  2 Mn2+(aq) + 5 O2(g) + 8 H2O(l)

Neste caso, formam-se gás oxigênio (O2), água (H2O) e íon manganês (Mn2+). Este último, incolor, é o responsável pela mudança na coloração da solução. 



Equipamentos:


A) Reação sem o vinagre

Reagentes:
  • 1 comprimido de permanganato do potássio;
  • 50 ml de água;
  • 50 ml de água oxigenada (peróxido de hidrogênio) a 10 volumes;

Procedimentos:
  1. Medir os volumes de água e água oxigenada e reservá-los em recipientes diferentes.
  2. Triturar completamente um comprimido de permanganato e dissolvê-lo na água.
  3. Adicionar a água oxigenada (10 volumes) à solução aquosa de permanganato.

B) Reação com o vinagre

Reagentes: 

1 comprimido de permanganato do potássio;
50 ml de água;
25 ml de água oxigenada (peróxido de hidrogênio) a 10 volumes;
25 ml de vinagre de álcool (ácido acético).

Podem ser usadas outras quantidades, desde que seja respeitada a proporção 2 : 1 : 1 de solução de permanganato em relação à água e o vinagre.

Procedimentos:

  1. Medir os volumes de água, água oxigenada e vinagre e reservá-los em recipientes diferentes.
  2. Triturar completamente o comprimido de permanganato e dissolvê-lo na água. 
  3. Adicionar primeiramente o vinagre e então a água oxigenada à solução de permanganato.